11/03/2018

Experiência de trocas no skoob

Foto de livros com laço formando coração
Foto por congerdesign
Já tentei várias vezes escrever um post sobre trocas no skoob, mas nunca termino. Chego na metade e abandono o post, assim como muitos outros que tentei começar, mas não consegui chegar ao fim. Parece bobagem, mas reflete muito do que estou passando no meu momento atual: comecei muitas coisas, abri várias portas, não fechei nenhuma. Tenho andado em círculos a respeito de muita coisa, sem chegar a nenhuma conclusão: seja a respeito dos posts desse blog, seja a respeito de aspectos da minha vida. Tem sido assim, e eu espero ir concluindo as coisas aos pouquinhos. A começar pelas minhas trocas no skoob. 

Resolvi começar a disponibilizar livros para troca no skoob depois de um problema com traças em 2016. Não só as traças começaram a me incomodar, como também a falta de espaço e o excesso de livros que sequer eram tirados da estante. Sabe aquele livro que está ali, você gosta, mas sabe que não vai lê-lo de novo? A grande maioria dos meus livros faziam o tipo. E eu percebi que não via motivo, e nem mesmo queria acumular tantos livros assim. Não vejo problema em quem coleciona livros. Acho mesmo digno de orgulho ter vários livros na estante, mostrar todas aquelas leituras que já foram feitas e às vezes tirar um ou outro exemplar só pra dar uma foleada. É lindo, mas não serve para mim. Tive mais de 200 livros, doei vários deles e separei outros tantos para troca. Atualmente tenho 28 livros disponíveis para troca no skoob, concluí outras seis trocas e acredito que o número só vai aumentar.


Printscreen com livros trocados no skoob
Alguns livros que troquei, e a avaliação que os usuários fizeram de mim :)

Para quem não conhece, o sistema de trocas do skoob funciona da seguinte forma: você disponibiliza um livro para troca, um usuário faz uma solicitação, e, ao final da troca (quando o usuário marca no sistema que recebeu o livro), você recebe um crédito. Esse crédito pode ser usado para solicitar livros disponibilizados por outros usuários, que ficarão com seu crédito, quando você receber o livro. O sistema é bastante seguro e conta com um sistema de reputação (tipo o do mercado livre) que é uma forma de saber se a pessoa é confiável através de outras trocas que ela já fez. O único problema é: você só pode solicitar livros após fazer sua primeira troca (enviando), o que pode demorar um pouquinho. Escrevo sobre isso com mais detalhes outro dia...

Até o momento, tive quatro trocas concluídas, e duas em andamento. Enviei os dois livros e estou esperando os usuários receberem. Dos seis que troquei, apenas um eu realmente queria me ver livre: o primeiro volume de uma trilogia que detestei e nem mesmo esperava que alguém fosse querer lê-lo. Os outros cinco, me despedi com um aperto no coração. Todas as trocas foram tranquilas e todos os usuários foram muito compreensivos: desde a primeira que tirou todas as minhas dúvidas, ao último que esperou mais de uma semana para eu colocar o livro nos correios. Esses são os livros que estão disponíveis para trocar, no momento, alguns são livros que amei, outros nem mesmo li:

Printscreen com livros do skoob disponíveis para troca

Vale mesmo a pena trocar no skoob?


Até o momento, não solicitei nenhum livro. Logo, minha visão do sistema de trocas é parcial. Não tive problemas com os livros enviados, mas ainda não pedi nenhum. Estou deixando os créditos acumulados, já que um dos motivos que me levou a trocar os livros foi justamente o excesso de livros na estante, e meu ritmo de leitura, que diminui bastante. Não vejo motivos para solicitar novos livros que ainda não vou ler. Porém, acredito que continuarei trocando, mesmo que mantendo os créditos, já que essa é uma forma de fazer os livros que tenho circularem, além de liberar espaço na minha estante. Como diria Zafón "cada vez que um livro troca de mãos, cada vez que alguém passa os olhos pelas suas páginas, seu espírito cresce e a pessoa se fortalece". (Amo essa citação e irei protegê-la) ❤️

11 comentários:

  1. Já tinha ouvido falar do sistema de trocas no skoob, mas não sabia se dava certo ou não... Geralmente dou os livros que não quero mais manter na coleção para algum amigo ou para a biblioteca da faculdade, mas esse sistema de trocas parece muito bom, já que podemos adquirir livros XD
    Mas assim como você, não estou adquirindo muitos livros novos, pois tenho alguns para ler e é melhor não ficar acumulando mesmo XD

    Adorei a postagem! Beijão
    Toca da Lebre
    Universo DC 52

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já doei alguns também, deixo pra troca os que estão muito novos e que acho que são fáceis de trocar.

      Excluir
  2. Amo esse sistema de trocas do Skoob. É bem útil para quem não quer livros parados na estante, como é o meu caso ^-^
    Olha, posso falar com propriedade sobre os dois lado: tanto no envio quanto no recebimento dos livros. Nunca tive problemas com esse tipo de troca (salvo a ineficiência dos Correios, mas isso não é culpa nem do Skoob e muito menos dos leitores); então, quando estiver à vontade para solicitar algum livro, solicite-o sem medo ^-^ Ah, e procure entrar em contato com a pessoa que te enviará o livro, pois ajuda bastante.

    Beijinhos e parabéns pelo post!

    ResponderExcluir
  3. Oi Marina, eu também estou para falar sobre trocas no Skoob faz tempo, mas nunca consigo me organizar para escrever o post. :/

    Eu já fiz cerca de 10 trocas no Skoob, todas muito bem sucedidas (tanto enviando, quanto recebendo). Eu tenho tentado manter só os livros que eu realmente gostei (e que pretendo ler de novo algum dia) ~ o resto pretendo doar ou fazer novas trocas.

    Só acho um pouco complicadinho de encontrar livros que eu realmente queira para pedir. Demora um pouco para aparecer, mas é só ter paciência e ficar de olho nos últimos livros cadastrados.

    Um beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siim! Até o momento eu vi poucos livros que eu gostaria de pedir. Geralmente os livros disponíveis são livros bem famosos, que vendem bastante. Mesmo assim continuo esperando os que quero.

      Excluir
  4. Eu nunca usei as trocas no Skoob e jurava que sempre precisava ser uma troca, o usuário de envia um e você envia outro. Muito bom isso de você enviar um livro e ganhar crédito para pedir depois. Meu problema não é com traças, mas com cupins. Por enquanto meus livro estão seguros no meu quarto, mas meu sonho era ter uma estante linda na sala. Só que lá tão expostos fica perigoso dos bichinhos comerem eles.

    Adorei o post!! :D
    Beijusss;
    https://hipercriativa.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alguns usuários trocam livro por livro, mas é fora do sistema de trocas (e bem menos seguro). Acho difícil esse tipo de troca porque é complicado achar alguém que queira um livro seu e ofereça algum que você quer. Prefiro a troca por créditos mesmo :)

      Excluir
  5. Já tinha ouvido falar sobre, mas nunca pensei em utilizar porque, nossa, eu não me imagino desapegando de nenhum dos meus bbs
    http://entrefatosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkk eu também era assim! Mas me desapeguei por falta de espaço mesmo, entre outras coisas. A sensação é libertadora

      Excluir
  6. Eu amo trocar livros e pelo skoob foi por onde comecei. Mas como estou apertada de grana, parei um pouco, já que os correios estão cobrando mais caro :c

    Mas eu acho que o skoob tem um formato de troca de livros excelente!

    ResponderExcluir

Recebo os comentários por e-mail. Leio todos com muito carinho e respondo sempre que posso.

Seja educado com os coleguinhas, e obrigada pela visita. Volte sempre! (/◕▽◕。)/